Games

Review: Titanfall

Titanfall é o recente game shooter em primeira pessoa surgido da parceria entre a Eletronic Arts e a Respawn Entertainment. O game chega como um dos primeiros títulos que chegaram ao Xbox One, além de receber versões para Xbox 360 e PC. Será que o Titanfall consegue se destacar para um game FPS? Descubra em nosso review!

Análise Titanfall Xbox Brasil
Fonte da imagem: Den of Geek

Titanfall começa a sua própria “revolução” logo de início, com ausência de um tradicional modo de campanha, algo que já havia sido implementado em outros games, como é o caso de Plants vs. Zombies Garden Warfare. Todavia, todo o brilho do game estão voltados exclusivamente ao modo multiplayer, onde a ação de verdade está esperando para ser descoberta.

Ao iniciar o game, o player será introduzido a um detalhadíssimo tutorial, que ensina sobre cada uma das novidades do game, desde os básicos double-jump e corridas nas paredes, até mesmo controlar os titãs e utilizar as suas habilidades. Para os iniciantes, não poderia haver uma forma melhor para se adaptar aos comandos, entretanto, para aqueles que participaram da fase Beta, terá de passar novamente pelas tarefas.

Xbox One Titanfall Review
Fonte da imagem: Beyond Entertainment

Depois, será necessário selecionar um dos modos de jogatina pré-estabelecido para iniciar. Para não descartar por completo um enredo, o modo titulado como multiplayer apresenta algumas pequenas cutscenes, mas troca qualquer trama complexa e detalhada por partidas multiplayer, onde independente do resultado final, é possível avançar.

Ao todo, são 18 fases, que se passam em mapas consideravelmente grandes e comuns do game. A ausência de uma história profunda não chega a incomodar, especialmente em um game focado no modo online. A experiência até chega a servir como uma boa preparação para os desafios que aparecem, sendo encontrados até mesmo nos modos tradicionais.

Após selecionar o mapa desejado, os players são levados a um Lobby, onde os times e opções de customização são exibidas. Apesar dos problemas no dia do lançamento, o conhecido “matchmaking” funciona de modo bastante ágil, especialmente no modo Attrition, onde a esmagadora máquina dos jogadores se acumula, literalmente.

Download Titanfall Xbox
Fonte da imagem: Titanfall Wiki

Em Titanfall, há um limite de até seis players por equipe. Entretanto, os mapas do game são preenchidos pelos mais diversos inimigos, no qual servem de “presa fácil” para os jogadores reais. Qualquer pontuação obtida, reduz alguns segundos do cronômetro, fazendo com que os jogadores sejam premiados pelo melhor desempenho, com a chegada antecipada de suas gigantes máquinas.

Ao jogar Titanfall, percebemos que os “titãs” se movem de uma forma bastante natural, sendo bem próximo da realidade. Para se ter uma ideia, os saltos dão espaço a investidas, no qual podem ser utilizadas para uma locomoção mais rápida e/ou atropelar os inimigos menores. Além do mais, os modelos de máquinas também têm determinadas características próprias, como por exemplo, as habilidades e o peso, que influenciam (e muito!) em seu controle e desempenho.

Teste Titanfall PC
Fonte da imagem: Titanfall Wiki

Assim como em grandes games de FPS, as partidas geram experiência, que resulta em novos desbloqueios, tanto para os titãs quanto para os soldados presentes no game. Ao longo da partida, os players contarão com variedades cada vez maiores de armas, equipamentos e habilidades. Desse modo, é difícil se encontrar sem nada o que se fazer, uma vez que as opções que são oferecidas são bem vastas.

Titanfall também possui um sistema “inteligente” de cartas, que podem ser utilizadas diante uma determinada partida, além de ativar certas habilidades ou itens especiais para os players. Algo que é bem interessante, por exemplo, é conseguir um rifle de alta precisão ou fazer o personagem correr um pouco mais rápido por certos momentos.

Em aspectos visuais, Titanfall parece subir mais um degrau nesse quesito, não deixando a desejar. Contudo, o mais importante é que, o game mesmo com vários inimigos, explosões, efeitos de luz e diversos robôs gigantescos, não apresenta nenhum tipo de engasgo ou queda importante na taxa de quadros por segundo, ou seja, o FPS.

Os efeitos sonoros presente em Titanfall são um show à parte, especialmente se jogado com um Headset e/ou Fone de Ouvidos. Além do mais, é possível ouvir de longe os “impactos” causados pelas lutas entre os robôs, que também podem ser detectados facilmente. As armas e ambientes também tiveram sua parte sonora trabalhada com bastante capricho, isso é bem notável e benéfico ao jogador “titã”.

Nossa Opinião
  • Gráficos - 9/10
    9/10
  • Interface - 9.4/10
    9.4/10
  • Jogabilidade - 9/10
    9/10
  • Desempenho - 8.5/10
    8.5/10
  • Funcionalidades - 10/10
    10/10

Conclusão

Titanfall fez valer a pena a espera (inclusive para a inclusão do game para assinantes do EA Access) e a expectativa em torno do game. Com mecânicas extremamente balanceadas e divertidas, jogabilidade bem precisa, fluida e desempenho de primeira.

Titanfall ainda conta com a mistura explosiva entre um gênero tradicional "shooter" extremamente bem implementado. Sem dúvidas, Titanfall vale todo a "expectativa" gerada pelo mesmo.

Para comprar, clique em nossa loja abaixo:

RecantoShop

9.2/10

Imagem: Titanfall

  • Sonia Maria Custodio

    Muito bom seu artigo! Meus parabéns!

Games
@tfxbrasil

Meu nome é Juan de Souza, tenho 17 anos de idade, sou o Fundador e CEO do TFX Startup, uma empresa com serviços e projetos inovadores, com o foco no Brasil e em outros países da América.

Veja também outras matérias relacionadas a Games:

Review: Carros 3: Correndo para Vencer

Juan de Souza22/06/2017

Os 8 bugs mais esquisitos da história dos games

Juan de Souza12/06/2017

Os maiores clássicos do Super Nintendo

Juan de Souza01/06/2017

The Legend of Zelda: veja as curiosidades

Juan de Souza19/05/2017

Nostalgia: Nintendo 64

Juan de Souza12/05/2017

Review: Slime Rancher

Juan de Souza08/05/2017